18 de agosto de 2008

Só um "rapidinho"

Eu tenho uma vontade, que eu sei que vai ficar só na vontade, mas é uma vontade quase de grávida.
Um dia, quando eu estiver em algum ônibus que não esteja cheio, com algumas pessoas sentadas e alguns lugares vagos, e eu me levantar para descer e outra pessoa levantar também, eu parada de frente para a porta vou desejar muito que ela pergunte: "Você vai descer?"
Aí nesse momento, tudo fica em slow motion. Eu pisco, olho pra pessoa (tudo em câmera lenta) e digo (agora em movimento normal): "não, na verdade, eu achei que o fundo do ônibus estava meio sem graça e vim aqui enfeitar. Você acha que eu levantei e fiquei aqui parada na porta pra quê?"
Mas, eu sou uma pessoa educada e, mesmo sofrendo de mau humor periódico, não descontaria dessa forma gratuita em alguém que nem conheço. Se bem que já fizeram essa pergunta, mas o ônibus estava lotado, e como já contei anteriormente, tem sempre uns bestas que levantam bem antes do ponto.
Mas que é uma vontade louca, ah isso é...

Um comentário:

Tadeu e Matheus disse...

Contanto que não seja em mim...
E preguiçosa é você...